MIS Blog/

MOACIR SANTOS – 90 ANOS

26 de julho de 2016


 

Pensar em Moacir é sempre uma alegria. Guardo no meu coração aquele sorriso generoso e também o rigor em relação às notas exatas das engrenagens de seus arranjos.

Durante cerca de quatro meses Zé Nogueira e eu nos dedicamos à transcrever de ouvido, a partir de uma cópia da master do disco, os arranjos das dez COISAS para regravá-las no álbum duplo Ouro Negro, que produzimos em 2001. Os originais desapareceram quando a gravadora Forma, detentora do fonograma, foi vendida à Phonogram (antiga Philips) no início dos anos 70.

Lembro bem das muitas conversas telefônicas com Moacir, especialmente no caso de Coisa nº3, em que pedi a ele que me explicasse o que acontecia com o ritmo complexo daquela coisa . Ficávamos horas ao telefone e ele não me entregava nada mastigado. Com sua experiência de professor me induzia a descobrir sozinho. Quando retornei dizendo que tinha solucionado o problema ele ria da minha aflição e dizia: – “ma rapaz, é isso, ritmo 3” citando um dos capítulos de sua apostila “Ritmos MS” que aplicou em suas aulas durante tantos anos.

Só tive contato com essa apostila recentemente, nas mãos de nossa colega da Banda Ouro Negro, a flautista Andrea Ernest Dias, que escreveu uma tese sobre o assunto. Depois de quase seis anos de convivência com o Maestro, não há um só arranjo que escreva sem me lembrar dele, daquele sorriso ou da sua maneira peculiar de escrever música.

por Mario Adnet, texto originalmente feito para o relançamento do LP “Coisas”, em 2013, pela Polysom.

PARCEIROS


 

Sede Administrativa
Rua Visconde de Maranguape, 15
Largo da Lapa, CEP 20021-390
Rio de Janeiro/ RJ

Sede Praça XV
Praça Luiz Souza Dantas, 01
Praça XV, Rio de Janeiro/ RJ
Rio de Janeiro/ RJ, Brasil

Tel +55 21 2332-9509/ 2332-9507 (Lapa)
Tel +55 21 2332-9068 (Praça XV)
Email: olamisrj@gmail.com

©

2018 MIS–RJ
Termos de uso/ FAQ
design ps.2