MIS Blog/

Festa do cinquentenário reúne a história do MIS na Sala Cecília Meireles

03 de setembro de 2015


O Governador Luiz Fernando Pezão, a Secretária de Estado de Cultura, Eva Doris Rosental, e a Presidente da Fundação MIS, Rosa Maria Araújo, junto aos homenageados na cerimônia do cinquentenário do museu

Fotso de André Gomes de Melo Caru Ribeiro

 

A comemoração dos 50 anos do Museu da Imagem e do Som – espaço da Secretaria de Estado de Cultura –, na Sala Cecília Meireles, na noite de quarta-feira (dia 2), foi marcada pelo encontro de ícones da produção artística brasileira. Homenageados juntamente com ex-funcionários da casa e o ex-governador Sergio Cabral, um dos idealizadores da nova sede de Copacabana, a ser inaugurada em meados de 2016, personalidades como os atores Fernanda Montenegro e Paulo José, os jornalistas Sergio Cabral e Zuenir Ventura e o cineasta Cacá Diegues receberam a Medalha Comemorativa do Cinquentenário, cunhada pela Casa da Moeda. Em seu discurso, o governador Pezão se disse emocionado ao assistir ao vídeo com imagens do acervo do MIS e que a instituição era um marco da vida cultural da cidade.

“Bateu uma saudade imensa de um tempo tão rico e generoso. Mas ver esta turma toda reunida me dá a certeza de que não tem como esse país dar errado”, disse Pezão.

A Secretária de Estado de Cultura, Eva Doris Rosental, reafirmou a vocação cultural do Rio de Janeiro.

“O MIS é um tesouro cultural que só poderia ser acumulado mesmo aqui no Rio de Janeiro. E a nova sede vai transformar ainda mais a paisagem física e cultural da cidade”.

A noite, marcada pela emoção, teve como mestres de cerimônia os jornalistas Artur Xexéo e Flavia Oliveira, que lembraram a trajetória da instituição, criada no âmbito dos festejos do IV Centenário da cidade do Rio de Janeiro, em 1965. O MIS, que iniciou seu acervo com as coleções do fotógrafo Augusto Malta e do radialista e compositor Almirante, além de um precioso centro de documentação de música e imagem, rapidamente tornou-se um polo cultural de vanguarda nas décadas de 1960 e 1970.

A  presidente do MIS, Rosa Maria Araújo, lembrou o papel pioneiro do MIS e acredita que o museu continuará sendo referência para outras instituições.

“São 50 anos de feitos e glórias com a certeza de maia 50 de memória da cultura desse Rio criador e musical, orgulho do nosso Brasil. Viva o MIS da Praça XV, da Lapa e de Copacabana”.

A noite foi encerrada com um show de Teresa Cristina com as participações especiais de Monarco e Nelson Sargento, que cantaram um repertório sugerido pela próprio presidente do museu em homenagem ao Rio de Janeiro.

“Vocês não imaginam o que é estar nesse palco cantando para Paulinho da Viola e Fernanda Montenegro”, disse, emocionada, a cantora.

 

PARCEIROS


 

Sede Administrativa
Rua Visconde de Maranguape, 15
Largo da Lapa, CEP 20021-390
Rio de Janeiro/ RJ

Sede Praça XV
Praça Luiz Souza Dantas, 01
Praça XV, Rio de Janeiro/ RJ
Rio de Janeiro/ RJ, Brasil

Tel +55 21 2332-9509/ 2332-9507 (Lapa)
Tel +55 21 2332-9068 (Praça XV)
Email: olamisrj@gmail.com

©

2018 MIS–RJ
Termos de uso/ FAQ
design ps.2